Jornada das Heroínas 2.0

jor.na.da

A jornada, por definição, é uma marcha, percurso, viagem por terra, entendida também como batalha ou duração do trabalho diário. Mas, a melhor definição para nós, é "qualquer fato ou conjunto de fatos que diga respeito a uma ou mais pessoas e que se possa perceber ou entender como uma transição para determinado fim".

he.ro.í.na

A heroína, por definição, está vinculada à personagem feminina de uma obra de ficção. Mas, para nós, é a mulher que enfrenta o perigo com valentia seja cumprindo seu dever ou ajudando os outros, é admirada por encarar o sofrimento sem se lamentar. A mulher que realizou grandes feitos e se tornou notável.

Jornada das Heroínas

É um processo de transição onde um grupo de mulheres se reúne para encarar seus maiores desafios e se tornarem heroínas de suas próprias vidas acompanhadas por duas mentoras.

Juntas somos mais fortes, formamos uma rede de sororidade, solidariedade, cooperação e prosperidade.

Venha conhecer a jornada que te transformará em heroína de sua própria vida, equilibrando corpo e mente, trabalho e família, propósito e realizações.

  • Conteúdo
  • Vantagens
  • Detalhes

Conheça melhor quem criou o conteúdo

Amanda Palma
2 Anos Hotmarter

Com a missão de documentar a cura em meio ao caos Amanda Palma cruza as fronteiras entre documentário, arte contemporânea e performance.

Formada em Comunicação na ESPM-RS, pós graduada em Comunicação e Imagem na PUC-RJ, com pesquisa no campo das representações e representatividade das mulheres no cinema.

Tem experiência com temáticas referentes à direitos humanos, cultura e questões de gênero. Diretora dos documentários As Mulheres e a Copa (2014) e Contra-Cultura do Estupro (2016), financiados pela ONU Mulheres e do documentário Bateria da Mangueira - Escola Campeã licenciado pelo Canal Brasil.

Co-diretora e editora do filme Elekô (2015) realizado colaborativamente por equipe 100% feminina exibido em dezenas de festivais nacionais e internacionais incluindo o International Film Festival Rotterdam.

Autora e performer na performance-documental #taitiria premiada no Amsterdam Fringe Festival, plataforma que revela novos talentos artísticos da cena internacional da performance.

Como educadora, leciona a oficina Audiovisual Colaborativo, na qual compartilha os saberes do fazer documental e a auto-representação com jovens principalmente de projetos sociais e aldeias indígenas.

Criadora da Jornada das Heroínas, uma jornada de três meses para artistas e empreendedoras identificarem seus potenciais e sua verdade, produzirem seu próprio conteúdo com propósito e gerar autoridade para trabalhar online com o que amam.

https://www.amandapalma.com.br/

Perguntas Frequentes

O conteúdo deste produto não representa a opinião da Hotmart. Se você vir informações inadequadas, denuncie aqui