Kirtan Yoga - medite cantando

Você sabia que como toda a criação, somos feitos de som? Sim, em essência somos energia vibracional, e poeticamente, poderíamos dizer que cada um de nós é uma canção, por isso, quanto mais tornarmos essa canção que somos, bela, forte e afinada, mais leveza, saúde, harmonia e felicidade atrairemos para a nossa vida. Kirtan Yoga - medite cantando é um programa que nos desperta para esse mundo sensível, em que a meditação através da música e do mantra, nos possibilita acessar canais sutis de energia em nosso interior, para que o nosso mais puro potencial de lapidação e elevação seja revelado. Com grande experiência como professores de yoga, além de uma longa e premiada trajetória no universo da música, Renato e Patricia elaboraram este curso para aqueles, que por meio do autoconhecimento e da arte, buscam um caminho espiritual e de autorrealização.

  • Conteúdo
  • Vantagens
  • Detalhes
Conteúdo do curso (100% digital)

Conheça melhor quem criou o conteúdo

Renato Motha e Patricia Lobato
2 Anos Hotmarter

Renato Motha e Patricia Lobato são músicos e professores graduados em Kundalini Yoga pela International Kundalini Yoga Teachers Association, com especialização em Sat Nam Rasayan (técnica de cura através do espaço meditativo). Desde 2004, o casal de Minas Gerais se dedica ao Kundalini Yoga. Com uma trajetória musical premiada, possuem 17 álbuns e 2 DVDs lançados em palcos do Brasil e do exterior, transitando com fluência por gêneros que vão da canção brasileira aos kirtans indianos, sempre valorizando e universalizando os sons de Minas e do Brasil.

Por que comprar no Hotmart Marketplace?

Até 7 dias para pedir reembolso

Pagamentos seguros

Suporte Hotmart

Acesso em todos os dispositivos

Diversas formas de pagamento

Como vou acessar?

Ao comprar, o produto fica disponível na sua conta

Você acessa seu produto através de um link que enviamos ao seu email. Você também pode acessá-lo nesta página.

Perguntas Frequentes

O conteúdo deste produto não representa a opinião da Hotmart. Se você vir informações inadequadas, denuncie aqui