Academia de Governadoras

Por que nunca nos achamos boas o suficiente?

Você já teve aquela sensação de que sempre tem mais pra fazer? De que precisa estudar mais? Trabalhar mais? Malhar mais? Você já se sentiu estagnada, presa no mesmo lugar, com medo de dar qualquer passo a mais e estragar tudo? Já sentiu que tem tanto pra fazer que não sabe nem por onde começar? E que, se não fizer isso, a qualquer momento perceberão que você é uma farsa?

Durante muito tempo me senti exatamente assim. Completamente perdida nas tarefas e mais perdida ainda de mim mesma. Achei que estava sozinha até saber que a Michelle Obama, a Michelle Pfeiffer e a Michele estagiária sofriam da mesma coisa. Acabei por descobrir que tudo isso começava com um problema de identidade.

Descobri que esse problema – chamado de Síndrome da Impostora – é universal e atinge milhões de mulheres em diferentes

países e contextos. E que gera dezenas de outros problemas!

Aliás, existem grandes chances de essa ser uma questão sua também!

Na Academia de Governadoras, vou compartilhar com você todos os meus aprendizados com as mais de 5 mil horas em atendimento individual e treinamentos, de maneira prática, simples e clara. Por onde começar e também como seguir crescendo e se desenvolvendo. A Academia de Governadoras vai te ensinar TUDO que você precisa saber pra assumir sua identidade e o governo da sua própria vida e se tornar a mulher EXTRAORDINÁRIA que nasceu pra ser.

Acha que é uma promessa muito grande? Veja por si mesma. Clicando no link você terá 2 dias de test-drive pra comprovar se o que digo é verdade ou não, sem precisar se comprometer. Convido você a entrar na minha vida, na das Micheles, na sua e na das demais mulheres que fazem parte das mulheres que decidiram governar!

  • Conteúdo
  • Detalhes

Conheça melhor quem criou o conteúdo

LO FERNANDES
1 Ano Hotmarter

Oi, eu sou a Lô, sua coach e a paixão da minha vida é ajudar você a firmar sua verdadeira identidade e viver a vida que você deseja de forma leve e confiante!

Sou mãe de 3 e tenho todas as atribuições e a vida agitada como a de qualquer mulher. Isso fez com que eu me perdesse de mim durante um tempo, e foi o que também me levou a buscar uma transformação profunda na vida, pois eu sempre acreditei que a vida poderia ser mais do que eu estava vivendo.

Depois do meu processo de transformação, percebi que essa dor não era só minha, e transformei o que um dia foi dor, em uma paixão por ajudar mulheres a serem, fazerem e terem muito mais da vida.

Hoje o meu trabalho é a minha paixão, treinar mulheres pra viverem sua melhor versão!

Perguntas Frequentes

O conteúdo deste produto não representa a opinião da Hotmart. Se você vir informações inadequadas, denuncie aqui