Introdução à Psicoterapia Existencial: fundamentos filosóficos

Português

Este curso tem como objetivo principal apresentar os princípios filosóficos que fundamentam as abordagens psicológicas conhecidas como fenomenológico-existenciais.

Compreendemos por abordagens fenomenológico-existenciais, na Psicologia, aquelas abordagens que se fundamentam em premissas filosóficas e metodológicas da Fenomenologia, da Hermenêutica Existencial e das Filosofias Existenciais.

Estudaremos nesse curso as premissas filosóficas da Hermenêutica de Dilthey, da Fenomenologia de Edmund Husserl, da Hermenêutica Existencial de Martin Heidegger, assim como da Filosofia existencial de Nietzsche.

O curso será ministrado em encontros quinzenais às segundas-feiras das 19h às 21h. (5 encontros) ao vivo pelo Google Meet. Os alunos inscritos terão também acesso às gravações das aulas. Será disponibilizado material de leitura em PDF. Ele será ministrado pelo Prof. Dr. Felipe Saraiva Nunes de Pinho. Psicólogo (UFC), com Formação em Psicodrama, Mestrado em Linguística (UFC) e Doutorado em Filosofia (Universidad de Barcelona). Início 18 de março de 2024, às 19h.

Cronograma

Aulas ao vivo via Google Meet e acesso às gravações

1. 18/03/2024 - 19h às 21h – Introdução aos fundamentos da clínica existencial. Compreensão do caráter histórico e trágico da existência humana.

2. 01/04/2024 - 19h às 21h - Wilhelm Dilthey e o nexo vital do existir humano. Discussão da obra Ideias Sobre Uma Psicologia Descritiva e Analítica.

3. 15/04/2024 - 19h às 21h – A fenomenologia de Edmund Husserl. Compreensão da importância da atitude fenomenológica na clínica existencial.

4. 29/04/2024 - 19h às 21h – A hermenêutica existencial de Martin Heidegger. Discussão da obra Ser e Tempo.

5. 06/05/2024 - 19h às 21h – O trágico do existir em Nietzsche. Compreensão da vida como vontade de potência.

Mostrar mais
    Saiba mais sobre quem criou o conteúdo

    Perguntas Frequentes

    O conteúdo deste produto não representa a opinião da Hotmart. Se você vir informações inadequadas, denuncie aqui