Proatividade

Carreira no mundo digital

Proatividade: o que é, importância e como desenvolvê-la?

Veja como se destacar em sua área de atuação sendo proativo.

Sabrina Siqueira

05/11/2022 | Por Sabrina Siqueira

Você está buscando investir na própria carreira? Se a resposta for sim, a proatividade no trabalho pode ser a chave para dar o salto que você procura!

Com o mercado de trabalho cada vez mais competitivo e equipes enxutas, os profissionais têm recorrido a diferentes formas para se destacar em relação aos demais, seja na organização em que já trabalham ou como empreendedores que desejam alavancar seus negócios. Mas, como a proatividade pode ajudar você a se destacar?

Neste post, vamos abordar a importância de ser proativo e como essa atitude pode influenciar positivamente a sua carreira e/ou os seus negócios. Continue a leitura e confira!

 

Banner versão desktop

O que é proatividade?

A proatividade é o ato de tomar iniciativa em relação ao que está acontecendo ao seu redor. Em vez de apenas aguardar por orientações, uma pessoa proativa busca oferecer soluções para um problema, por exemplo, atuando de maneira mais ativa dentro daquela situação.

Em outras palavras, a proatividade é a habilidade de partir para a ação, de assumir responsabilidades e de planejar as tomadas de decisões de forma a alcançar um objetivo previamente estabelecido.

Qual a importância da proatividade?

Dentro de um ambiente cada vez mais competitivo, as empresas procuram profissionais que não sejam apenas executores de tarefas. O desenvolvimento pessoal é um elemento fundamental, e isso parte da busca por realizar atividades e executar tarefas.

A proatividade, portanto, é um exemplo de como profissionais podem se comportar para garantir bons resultados no ambiente de trabalho. Esses trabalhadores demonstram vontade em aprender e fazer diferente para gerar resultados para a empresa, por exemplo.

Esse é, sem dúvida, um dos elementos importantes nos dias de hoje. É natural que gestores e outros profissionais superiores na hierarquia identifiquem eventuais posturas e comportamentos que corroborem com as atitudes de quem é proativo no dia a dia de trabalho.

Como estimular a proatividade no ambiente de trabalho?

Do ponto de vista dos gestores, é importante criar um ambiente de trabalho que estimule a proatividade. E como fazer isso? O primeiro passo é relacionado à atitude: é preciso que todos os profissionais se sintam confortáveis, dispostos a expor as suas opiniões.

Além disso, é importante levantar conceitos mais técnicos também, como o marketing pessoal, estimulando cada profissional a olhar um pouco mais para as suas melhores práticas e metas quando se fala em carreira.

Os gestores podem, por exemplo, ajudar os profissionais da sua equipe a criarem KPIs pessoais, que aumentem ainda mais o entendimento sobre aquilo que é importante no dia a dia de trabalho e como eles podem atuar de maneira mais proativa.

Quais as características de um profissional proativo?

É comum confundir proatividade com competitividade. Para tentar resolver essa discussão, listamos 7 características de um profissional proativo. Veja, a seguir.

1. Iniciativa

Profissionais proativos não esperam as oportunidades, mas, sim, as criam. Estão, em sua maioria, à frente de projetos, pois, ao menor sinal de um desafio se inserem na discussão, expondo sua visão e de que forma podem agregar ao projeto.

2. Visão de futuro

Pessoas proativas se orientam a longo prazo. Vivem o agora pensando em como o projeto pode agregar ao futuro da organização. Toda ação é tomada visando a um objetivo que já foi traçado no início do planejamento.

3. Capacidade analítica

Esse profissional tem a habilidade de destrinchar um processo ou uma situação e explicá-la de forma simples e objetiva. Essa característica faz com que ele enxergue todo o escopo do projeto com maior clareza e planeje de forma assertiva os próximos passos.

4. Determinação

Os proativos não se deixam abalar por qualquer coisa, eles não se intimidam. Por já terem os resultados esperados para cada projeto bem definidos, farão tudo o que estiver ao seu alcance — e além — para atingir os resultados esperados.

5. Foco

Profissionais proativos concentram suas energias nas questões cruciais de cada projeto. Geralmente, se esforçam para resolver o que está a seu alcance, sem deixar que os fatores que não dependem apenas deles atrapalhem.

Confira esse vídeo com dicas extras para ser mais produtivo e ter mais foco:

6. Busca por aperfeiçoamento

Os proativos não se acomodam, estão sempre estudando, buscando novas fontes de conhecimento, aprimorando habilidades já adquiridas. Uma coisa é certa: você nunca verá um proativo parado.

7. Conhecimento da cultura da empresa

Pessoas proativas sabem o que é esperado delas. Elas entendem a fundo a cultura organizacional, a missão e a visão da empresa e utilizam esse conhecimento para orientar sua tomada de decisão, sem precisar esperar que a ordem venha de um superior.

A primeira coisa que a proatividade no trabalho ajudará em sua carreira é a clareza de objetivos e resultados esperados. Com isso, o profissional se mantém produtivo por conseguir planejar e executar tarefas, orientando toda tomada de decisão com foco em resultados.

A habilidade de planejar e antecipar possíveis interferências permite a melhor organização e execução das tarefas propostas.

Além disso, a proatividade incita as pessoas a saírem da zona de conforto, fato que pode ser bem visto dentro da organização onde você trabalha.

Quais as vantagens da proatividade no trabalho?

A primeira coisa que a proatividade no trabalho ajudará em sua carreira é a clareza de objetivos e resultados esperados. Com isso, o profissional se mantém produtivo por conseguir planejar e executar tarefas, orientando toda tomada de decisão com foco em resultados.

A habilidade de planejar e antecipar possíveis interferências permite a melhor organização e execução das tarefas propostas.

Além disso, a proatividade incita as pessoas a saírem da zona de conforto, fato que pode ser bem visto dentro da organização onde você trabalha.

Como ser uma pessoa mais proativa?

Se você chegou até aqui e acha que não tem as características de uma pessoa proativa, temos uma boa notícia. Assim como qualquer outra habilidade, a proatividade no trabalho pode ser desenvolvida. Para isso, basta dedicação!

Abaixo, listamos algumas dicas para você se manter proativo.

Autoconhecimento

Saber identificar quais são seus pontos fortes é importante para conseguir utilizá-los a seu favor. Entenda quais habilidades você pode colocar em prática, auxiliando a desenvolver um projeto.

Não se esqueça de identificar também os pontos em que precisa melhorar. Como falamos, a busca por novas habilidades e o aperfeiçoamento são uma constante para um profissional proativo.

Planejamento

Planeje sempre. Faça uma lista com suas tarefas diárias e as que um determinado projeto poderá demandar. Analise quanto tempo, em média, você leva para executar cada uma dessas tarefas e estipule prazos.

O planejamento ajudará a ter uma visão mais clara do escopo dos projetos, além de auxiliar a alcançar os resultados esperados dentro do ambiente de trabalho.

Tomada de decisão

A tomada de decisão faz parte do dia a dia de todo profissional. A diferença de uma profissional proativo é a clareza no momento de tomar decisões.

A tomada de decisão faz parte do dia a dia de todo profissional. A diferença de um profissional proativo é a clareza no momento de tomar decisões.

Mas como garantir que você faz tudo ao seu alcance para tomar a decisão certa? Estude.

Quando falamos “estude”, não estamos nos referindo apenas a teorias. Estude seu comportamento, os fatos que levaram a tomar decisões anteriores e o que poderia ser melhorado em seu processo de tomada de decisão.

Então, gostou das dicas?

E tem mais: a proatividade pode te levar a lugares que você nem imagina. Quer ver um exemplo? Conheça a história da Paula Abreu, que virou coach por acidente e teve sua vida transformada pelo mercado digital.

Este post foi publicado originalmente em julho de 2018 e atualizado com informações mais completas e relevantes com ajuda do redator Marcos Pereira.