Início / Blog / Como fazer o seu primeiro lançamento de infoproduto?
Fechar

Como fazer o seu primeiro lançamento de infoproduto?

Quer fazer um lançamento de infoproduto mas não sabe por onde começar? Confira dicas simples que vão te ajudar nesse processo!

Imagem de um foguete entre dois cubos que representam produtos digitais, refere-se a um lançamento de infoprodutos através da plataforma Hotmart.

Está se preparando para o seu primeiro lançamento de infoproduto e não sabe por onde começar? Neste artigo, vamos te ensinar tudo sobre esse processo, abordando diferentes estratégias de divulgação!

O marketing é a alma do negócio. Apesar de clichê, essa frase faz muito sentido quando falamos da divulgação de produtos digitais, ou infoprodutos, que precisam de uma estratégia bem coordenada para chegarem ao público correto.

Abaixo, vamos explicar o que é um infoproduto, quais são seus principais benefícios e principalmente: como vendê-los da maneira correta. Confira!

Post index MenuÍndice
O que é infoproduto Como o infoproduto pode ajudar o seu negócio? Etapas para o lançamento de infoproduto Quais parceiros podem ajudar a criar um infoproduto de qualidade? Como precificar o infoproduto? Onde vender o infoproduto? Como vender o infoproduto?
Voltar ao Índice

O que é infoproduto?

Em linhas gerais, podemos dizer que um infoproduto, também conhecido como produto digital, é um conteúdo criado e distribuído de maneira digital, que tem o objetivo de ensinar alguma habilidade ou transmitir conhecimento, para os clientes de um determinado negócio.

Um infoproduto pode ser criado no formato de videoaula, ebook, guias e até mesmo planilhas. O importante é que ele seja um conteúdo digital e que transmita as informações que vão resolver dores da sua persona.

Porém, para funcionar, um infoproduto precisa ter uma boa estratégia de divulgação por trás, capaz de maximizar o alcance do material.

Como o infoproduto pode ajudar o meu negócio?

Um infoproduto pode beneficiar um negócio em diversas frentes e não somente em vendas. 

Sim, é possível atrelar um outro produto ao infoproduto principal, usando uma estratégia de conversão, mas existem outras possibilidades que são igualmente interessantes. Confira algumas delas abaixo!

Reconhecimento de marca

Um infoproduto pode ajudar a trazer reconhecimento de marca para o seu negócio, ou seja, torná-lo conhecido por um público que ainda não é consumidor.

É comum que as pessoas encontrem uma nova marca enquanto consomem um conteúdo interessante, para, só assim, cogitarem realizar uma compra. Criar um infoproduto pode ajudar nesse sentido.

Construção de autoridade

Se sua marca é especialista em algo, produzir um infoproduto sobre este tema pode ser uma boa forma para trabalhar a construção de autoridade, ao mesmo tempo em que faz a captação de novos leads.

Uma marca só tem autoridade digital em um determinado assunto quando produz conteúdo relevante e único. Investir nisso pode ser uma boa forma de capitalizar em cima de algo que a sua empresa faz bem.

Rentabilidade

Informação é algo valioso. Ao construir um infoproduto com dados de qualidade, você consegue trazer rentabilidade para a sua marca, ganhando mais do que investiu.

Cursos promovidos por especialistas, por exemplo, são uma ótima forma de gerar receita por meio de infoprodutos, investindo poucos recursos que vão além de uma boa câmera, informações de qualidade e uma plataforma de lançamento.

Etapas para o lançamento de infoprodutos: primeiros passos

Como explicamos anteriormente, o lançamento de infoproduto é uma etapa fundamental para o sucesso desse formato.

Uma boa estratégia de lançamento, aliada a uma divulgação planejada, pode maximizar o alcance do material e garantir que ele vai chegar até as pessoas certas.

Por isso, listamos um passo a passo de tudo o que você deve fazer para chegar ao momento de lançamento com tudo pronto para ter sucesso. Confira!

1. Análise de mercado

Antes de lançar o seu infoproduto, é importante fazer uma análise de mercado aprofundada, que vai levar em conta qual o contexto ideal para o lançamento do seu material.

Uma boa análise de mercado te ajuda com insights dos principais temas que podem ser trabalhados no produto digital, assim como informações de quais são os formatos mais consumidos pelo público da sua marca.

2. Benchmark

Ver o que seus concorrentes estão fazendo vai te ajudar não só a escalar o nível de qualidade, mas saber onde você pode se diferenciar dos demais. Neste ponto, a realização de um benchmarking é essencial.

Descubra quais são os formatos que a concorrência está trabalhando, assim como os temas mais frequentes na produção de conteúdo. Tente medir o engajamento para avaliar o que deu certo e o que deu errado. Assim, você consegue propor soluções originais.

3. Persona

Se você ainda não tem um projeto de persona bem construído, é hora de investir nisso. Para lançar um infoproduto com assertividade, investindo em um público que tem predisposição a comprar com você, é preciso falar com um perfil específico.

Descubra qual é o perfil do seu consumidor ideal e leve em conta seus assuntos de interesse e hábitos de consumo antes de lançar seu infoproduto.

4. SWOT

Outra etapa essencial do lançamento de infoproduto é a análise SWOT. Essa técnica é uma ótima forma de reunir os conhecimentos adquiridos no benchmarking e na análise de mercado, transformando-os em um guia para a sua marca.

Na análise SWOT, usamos informações de mercado para definir o contexto atual da sua marca considerando 4 fatores, que em inglês são: strengths (forças), weaknesses (fraquezas), opportunities (oportunidades) e threats (ameaças).

5. Tendências de comportamento do público

Um infoproduto também pode ser produzido com base em sazonalidade e tendências de comportamento do público.

Você pode encontrar temas interessantes pesquisando os termos mais buscados no Google Trends, em redes sociais com o Twitter, ou até mesmo mapeando as datas comemorativas que fazem sentido para o seu negócio.

6. Plataformas disponíveis para lançamento

Antes de divulgar seu infoproduto, é preciso ter uma plataforma sólida para fazer a divulgação do material.

Se você vai produzir uma videoaula, por exemplo, precisa contar com uma plataforma de qualidade, capaz de hospedar os vídeos com segurança. A mesma coisa vale para formatos como ebooks, artigos, entre outros materiais.

7. Investimento inicial e ROI

Por fim, antes de lançar seu infoproduto, é importante definir o valor de investimento inicial e o ROI (Retorno sobre investimento) estimado para o projeto.

Como afirmamos acima, é importante que o seu produto digital tenha rentabilidade. Para isso, precisamos definir o preço do infoproduto com inteligência, usando como base os seus recursos atuais, a expectativa de lucratividade e o preço praticado no mercado.

Quais parceiros podem ajudar a criar um infoproduto de qualidade

Além de se preparar para o lançamento do infoproduto estudando o mercado, é preciso saber delegar tarefas.

Para ter um material de qualidade, contar com parceiros estratégicos pode ser um ótimo caminho. Bons redatores, designers e videomakers, sejam eles freelancers ou contratados, podem te ajudar a produzir um infoproduto de qualidade mais rapidamente.

Também é importante que esses profissionais estejam envolvidos em todas as etapas do processo, especialmente nas decisões estratégicas.

Como precificar o infoproduto?

Agora que você já sabe como produzir e preparar o lançamento do seu infoproduto, é hora de pensar na precificação.

Para vender um infoproduto corretamente, você precisa levar em conta diversos aspectos que vão além de valores monetários. Vamos falar um pouco sobre eles abaixo.

1. Como calcular ROI

Para saber qual é a sua expectativa de lucro, uma boa alternativa é usar o cálculo do ROI.

A ideia é pegar o valor da receita, subtrair pelo total investido e dividir, novamente, pelo investimento. Assim, você terá o valor, em porcentagem, do quanto está lucrando em relação ao que investe.

2. Ganho de reputação

Em alguns aspectos, o valor de um infoproduto pode ser mensurado por engajamento e não por lucro financeiro.

Uma boa forma de precificar seu produto é avaliar a capacidade que ele tem de trazer ganho de reputação para a sua marca, com mais seguidores, menções nas redes sociais, entre outras métricas de sucesso.

3. Aumento de leads qualificados

Por fim, precifique seu infoproduto com base no potencial de aumento de leads qualificados.

Atrair novos consumidores é algo que mostra o sucesso do seu produto digital. Às vezes, essa métrica pode trazer até mais resultado que vendas diretas.

Onde vender o infoproduto?

Para vender seu infoproduto, é preciso investir nos canais de divulgação certos. Abaixo, listamos alguns deles.

Redes sociais

Use as redes sociais para promover o infoproduto, criando posts, Stories, Reels, entre outros formatos de conteúdo, para aumentar o alcance do material.

WhatsApp Business

O WhatsApp Business pode ser uma ótima ferramenta de vendas diretas. Integre a página do infoproduto com o canal de comunicação e crie uma conexão mais próxima com os interessados no infoproduto.

262

Mídia paga (Facebook Ads)

O uso de mídia paga, por meio de Facebook e Instagram Ads, pode aumentar o alcance do seu infoproduto, fazendo com que ele apareça à frente dos posts comuns.

Google Ads

Por fim, temos outra opção de mídia paga, que é o Google Ads. Com ele, você pode maximizar os resultados do seu infoproduto, colocando a página entre as primeiras nas buscas do Google.

Como vender o infoproduto

Para vender um infoproduto com eficiência, é preciso investir em conteúdo de qualidade, profissionais competentes e uma estratégia de divulgação bem planejada.

Com tudo isso bem organizado, você consegue construir um conteúdo de qualidade, que gera mais awareness, leads qualificados e autoridade para a sua marca.

Gostou das dicas? Então confira a nossa lista de 10 produtos digitais que podem te ajudar a alavancar o seu negócio!